Austrália aprova lei que proíbe o comércio de animais

A intenção é acabar com as "fábricas" de animais domésticos

O estado de Victoria, onde está a metrópole Melbourne, homologa a proibição de "fábricas" de filhotes de animais domésticos, principalmente de cães e gatos. O que implica no fim da reprodução comercial e consequentemente não existirá mais a venda de animais em clínicas veterinárias, sites, parques, feiras ou em qualquer outro estabelecimento comercial. A medida passa a valer oficialmente em julho. 

A proibição vai destruir este modelo de negócio e ajudar a acabar com a crueldade animal.

Debra Tranter no Site Oscar's Law
Debra Tranter é uma ativista que resgatou o pequeno Oscar, um cachorrinho que foi vítima desse tipo de indústria. O cão foi encontrado em péssimo estado físico e psicológico, e desde então ela luta para conseguir sua guarda. Ela fundou o Oscar's Law, uma organização sem fins lucrativos dedicada a acabar com as fábricas de animais domésticos na Austrália. A aprovação da lei foi inspirada no caso de Oscar. 

A ativista afirma ter esperança que a lei seja implementada também no resto do país. A medida é a primeira do tipo na Austrália e pressupõe também a adoção responsável por meio de abrigos e grupos de resgate. 

Veja abaixo o depoimento de Debra (em inglês), sobre o assunto:

Muitas pessoas, principalmente criadores sensatos e comprometidos com o bem-estar de seus animais, vão criticar o uso do termo "fábrica de animais", mas me parece que a metáfora está sendo usada com certa frequência pelo mundo afora, e aqui no Brasil também.

Em toda atividade comercial, e a venda de animais de companhia não é uma exceção, existem os "caras do bem" e os "caras do mal". O que me parece aqui é que os bons sempre pagam pelos erros dos maus. 

Talvez a proibição seja realmente uma boa medida e venha de fato a reduzir um certo grau de crueldade, principalmente pela exposição de animais muito jovens em vitrines, sob um estresse que nem os pesquisadores conseguem ainda mensurar com precisão. Uma coisa é certa, a polêmica vai continuar. Vamos aguardar os próximos capítulos.


Saiba mais: 

Chega de fabricar filhotes! Austrália proíbe reprodução comercial de cães e gatos

Austrália proíbe reprodução de cachorros e gatos para vendas em lojas

Compartilhe este post